26/09/2017

26/09/2017

Smartphones Android continuam a ser humilhados nos testes de benchmark


Os CPUs da Apple usados nos iPhones têm tido desempenho de referência, e o novo CPU A11 Bionic usado no iPhone X e iPhone 8 volta a arrasar a concorrência e até supera os resultados de um MacBook Pro deste ano.


Nos últimos anos, os CPUs "A" da Apple tem demonstrado que melhorar o desempenho não passa simplesmente pelo aumento do número de núcleos do processador. Nos dispositivos Android vimos a passagem dos dual-core para os quad-core, depois para os octa-core (e até deca-core)... mas no que diz respeito ao processamento single-threaded, têm ficado a anos luz de distância do que a Apple tem conseguido com os seus CPUs. Com o novo A11 Bionic isso volta a acontecer e marca um momento histórico.

No benchmark Geekbench, o iPhone X atingiu uma pontuação de 4061 em single-core e 9959 em multi-core. Para referência, mesmo o recente Galaxy S8 se fica por 2024 e 6279 (estamos a falar de uma diferença de 100% em single-core) mas há algo ainda mais significativo...


Como o próprio teste indica, a pontuação de 4000 usada como referência neste benchmark corresponde à de um CPU Intel Core i7-6600U,; pelo que este ano se chega a um ponto em que um iPhone tem um desempenho equivalente a um CPU utilizado em computadores tradicionais. Aliás, o iPhone X bate os valores obtidos por um MacBook Pro deste ano, que se fica por uma pontuação de 4036 e 8869.

Ora isto abre duas perspectivas interessantes... a primeira é a possibilidade da Apple implementar um sistema ao estilo da MS e Samsung, que transforma os seus smartphones em computadores desktop quando os ligamos a um monitor e teclado; a outra, é tornar ainda mais realista a possibilidade de num futuro não muito distante a Apple dispensar a Intel e aplicar os seus próprios CPUs nos Macs e MacBooks.

... Para os outros fabricantes, fica o desafio de se esforçarem no sentido de reduzirem esta diferença de desempenho... pois não se pode justificar que um qualquer topo-de-gama Android tenha uma diferença de 100% para um iPhone.

2 comentários:

  1. Como é que benchmarkam algo que ainda nao saiu ?

    E já nao ta mais que provado que esse geekbench recebe pros benchs serem superiores nos iCraps ?

    Que tal esperar que isso saia, e se façam benchmarks reais ?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. https://twitter.com/MKBHD/status/910947874480979976

      Eliminar