17/01/2018

17/01/2018

Finger Driver


Para quem aprecia conduzir automóveis mas num formato onde se pode fazer uma corridinha em poucos segundos ou minutos, Finger Driver é  um dos jogos mais recentes da ketchapp a chegar à Play Store e é, como costume, completamente grátis.


A seguir a moda de outros jogos da ketchapp, onde podemos perder apenas alguns minutos a jogar um jogo e voltar de imediato para aquilo que estavamos a fazer na vida real, Finger Driver põe-nos ao volante de um veículo numa estrada interminável onde só a nossa destreza e reflexos contam.

Basta um dedo no ecrã para controlar o pequeno volante do nosso carro, e depois é estar atento às curvas, aos obstáculos, aos loops, e tentar não sair da estrada para chegar o mais longe possível neste autêntico test-drive sem perdão.


Há pedras preciosas para recolher na estrada, há poderes especiais como um escudo que nos permite sair uma vez da estrada sem perder a corrida de imediato e há novos carros para adquirir que nos possibilitam chegar mais longe, seja porque são melhores a manobrar ou porque têm uma melhor brecagem, etc.

Este é mais um daqueles jogos que acabam por nos deixar agarrados, pois sempre que perdemos vamos imediatamente tentar apenas mais uma corrida, e outra e mais outra, a ver se conseguimos chegar mais longe.


Quanto mais praticamos, melhores ficamos a conduzir este pequeno carro, e vamos querer tentar uma e outra vez, e conseguir um carro melhor, e tentar com o novo carro, etc, etc, por aí fora. Com pequenas missões para concluir e um aspecto visual que muda de corrida para corrida, temos aqui um jogo perfeito para aqueles momentos mortos onde temos 1 minuto para jogar.

Já se sabe que há sempre aquela oportunidade de continuar uma única vez depois de bater contra a "parede" da estrada, bastando para isso visualizar um vídeo com publicidade. Não é necessário, mas vamos acabar por fazê-lo, porque queremos ter uma pontuação mais alta ali a olhar para nós no menu principal do jogo. Podem ver aqui em baixo um vídeo de alguém que chegou bem longe, por isso desejo-vos boa sorte tentar chegar a estes números ;).



Por Bruno Ramalho

0 comments:

Publicar um comentário