11/11/2020

11/11/2020

Google Photos limita edição no serviço gratuito

A Google vai começar a limitar alguns dos efeitos no Google Photos apenas aos utilizadores que paguem pela subscrição Google One.

Depois de durante anos oferecer o Google Photos como serviço gratuito (com espaço ilimitado para quem aceitar reduzir a qualidade de fotos e vídeo), a Google abre o temível precedente de começar a limitar algumas funcionalidades apenas a quem for subscritor do serviço Google One.

Alguns utilizadores já estão a ser confrontados com efeitos que já estão disponíveis para quem pagar, como uma nova funcionalidade de Colour Pop que, para baralhar ainda mais as coisas, é diferente da Colour Pop já existente, com a nova que fica com acesso limitado a poder ser aplicada em fotos comuns, enquanto a versão que se mantém disponível para todos apenas ficará disponível para fotos de retratos, com informação de profundidade associada.

O pior aspecto desta alteração é que abre as portas para que a Google comece a limitar cada vez mais funcionalidades no Google Photos, marcando uma viragem de que a mera disponibilização de serviços "gratuitos" (que na prática acabam por ser pagos com os dados recolhidos dos utilizadores) já não chega para a empresa, e ainda quer que os utilizadores paguem adicionalmente.

O que se seguirá, começar a bloquear certas funcionalidades do Gmail, com os envios de email agendados, ou a criação de mais do que uma dúzia de labels, também apenas disponível para quem pagar? Ou para poder usar scripts nos Google Docs? Ou para poder ter alertas nos eventos do Google Calendar?

É um péssimo precedente que vem trair a confiança dos utilizadores e relembrar que, tal como todos os grandes impérios online, nada dura para sempre... e por este andar, começa a ser recomendável procurar alternativas aos serviços da Google, pois as coisas parecem estar a entrar na parte do declínio do império.

0 comments:

Publicar um comentário