19/06/2016

19/06/2016

Huawei P9 é posto à prova

O Huawei P9 é um dos smartphones que mais curiosidade tem gerado nos últimos tempos, por usar uma combinação de duas câmaras na traseira, onde uma delas é monocromática, e o AadM já teve oportunidade de o experimentar para nos dizer que tal se comporta.

O Huawei P9 é o mais recente smartphone da gama P e chega ao mercado nacional amanhã, data em que será formalmente apresentado no nosso país. Este smartphone vem envolto numa elevada expectativa, fruto da parceira que a Huawei estabeleceu com a Leica, um dos históricos do mundo da fotografia. Na apresentação que teve lugar em Londres e onde tivemos o privilégio de estar presentes, foi precisamente a dupla câmara traseira que foi alvo de grande destaque, com Yu Chengdong (Richard Yu), CEO do Consumer BG da Huawei e Oliver Kaltner, Chief Executive da Leica a realçarem a importância do acordo que as duas empresas estabeleceram.

Esta parceria veio mexer com o mercado, de tal forma que houve quem colocasse em questão a materialização da mesma, o que levou a Huawei a vir a público reiterar o que anteriormente tinha anunciado: existiu colaboração significativa entre a Huawei e Leica em questões como o design óptico, o processamento da imagem, a construção mecânica do módulo, e até o interface apresentado ao utilizador.



O Huawei P9 é um excelente smartphone, com uma qualidade de construção irrepreensível, a qual lhe garante um conforto em utilização muito agradável.

O ecrã, apesar de se ficar pela resolução FullHD, apresenta uma boa qualidade de imagem, com níveis de brilho que permitem uma boa visualização mesmo em ambientes de grande luminosidade.O processador, apesar de não bater recordes de desempenho, é competente o suficiente para uma utilização fluída e sem compromissos. O EMUI continua a ser o ponto menos conseguido do Huawei P9, acabando por ofuscar algumas das funcionalidades verdadeiramente úteis que a Huawei coloca ao serviço do utilizador. A câmara dupla é uma boa aposta, e que demonstra que a Huawei quer inovar; mas não fica ainda garantido que esta tenha sido a melhor aposta. Seja como for, não é isso que impede que este P9 seja uma excelente aposta... onde só fica a faltar uma opção que permitisse aos interessados escolherem por uma variante "Nexus" com Android sem modificações. :)

Podem ler a análise na sua integra no AadM

0 comments:

Publicar um comentário