04/07/2018

04/07/2018

Dream Walker


Preparados para ajudar uma menina sonâmbula atravessar os caminhos perigosos que lhe aparecem nos seus sonhos? Um jogo muito bonito e desafiante, Dream Walker da Pocket PlayLab Limited, que está disponível gratuitamente na Play Store.


O jogo arranca com a menina a levantar-se da cama, e como qualquer sonâmbulo, começa a caminhar enquanto dorme de olhos fechados. Mas este é o universo dos seus sonhos, e está carregado de perigos, pois o caminho vai-se transformando à medida que vai andando e cabe-nos a nós fazê-la mudar de direcção na altura certa.

Como ela vai caminhando sozinha, e até acelerando o passo, apenas temos que tocar no ecrã para que ela mude de direcção. Quando está a chegar a um caminho sem saída, mal pise o último bloco temos de dar um toque para que ela vire para o lado e continue assim a caminhar por cima dos blocos que fazem parte do caminho.


O jogo às vezes faz lembrar o belíssimo Monument Valley, com a perspectiva do caminho a mudar em tempo real, e onde teremos que brincar com o caminho a percorrer que por vezes parece impossível de fazer à partida (como nas pinturas de M.C. Escher).

Pelo caminho vamos encontrando checkpoints, o que nos permite reiniciar desses lugares, e não estar sempre a começar do início quando a menina se levanta da cama. Falhar um bloco faz com que a menina caia, e voltaremos ao checkpoint mais recente que passamos.

Há blocos especiais que a fazem mudar de direcção, há blocos que mudam de posição e baralham por completo a perspectiva do caminho, há borboletas e estrelas para coleccionar, e um caminho que será diferente de cada vez que reiniciarmos um capítulo.

As estrelas são importantes para desbloquear os novos capítulos, que nos levam para ambientes completamente diferentes, como se se tratasse de um sonho distinto dos anteriores. São 4 capítulos que temos disponíveis. É possível repetir qualquer capítulo, e vamos querer fazê-lo, porque o caminho é diferente sempre que começamos um capítulo, e as mecânicas dos blocos mudam, o que torna o jogo bem desafiante e interessante.


Com as borboletas que coleccionamos podemos depois fazer rodar um roda da sorte no final de cada capítulo concluído com sucesso, o que nos permite ganhar novos vestidos ou mesmo novas personagens (como é o caso da Alice no País das Maravilhas), vidas extra, mais borboletas e estrelas, etc.

O jogo permite-nos visualizar publicidade, o que tanto pode funcionar para nos dar vidas extra (que apenas são necessárias para iniciar um capítulo, porque depois de estarmos a jogar, podemos jogar o tempo que quisermos até à conclusão do capítulo em questão), e que regeneram a cada 10 minutos.

Para quem tiver um smartphone mais antigo, ou quiser poupar bateria, há um modo de gráficos mais fraco que ajuda. No entanto reparei que mesmo no modo gráfico mais fraco, a qualidade é incrível. Com uma atmosfera de pesadelo fantástica, desde as coisas que acontecem à volta de menina, ao ambiente sonoro, temos aqui um jogo espectacular que não vão querer deixar passar ao lado.



Por Bruno Ramalho

0 comments:

Publicar um comentário