06/05/2019

06/05/2019

OnePlus 7 não vai ter IP rating, porque a marca sabe o que os utilizadores querem


Lançamento de um novo smartphone da OnePlus, não pode acontecer sem uma elevada dose de polémica envolvida, ou não se tratasse da marca que com toda a naturalidade do mundo, mais vezes mete os pés pelas mãos.


Para manter os custos abaixo dos valores praticados pelas marcas que operam no segmento premium, a OnePlus tem de efectuar algumas concessões. O carregamento sem fios é visto pela marca, como uma funcionalidade que não interessa aos seus clientes, razão pela qual não tem sido disponibilizada nos OnePlus.

A capacidade de resistência ao contacto com a água, tem sido outra das áreas que a OnePlus tem considerada dispensável, razão pela qual não era esperado que os novos OnePlus 7 apresentassem uma certificação IP.

Tratando-se da OnePlus, nada pode ser visto de forma simplista, pois a marca já nos mostrou inúmeras vezes, que é capaz de surpreender o mundo da tecnologia, com decisões que não lembram a ninguém (excepto à OnePlus, claro está!)

Atentem no vídeo em baixo, o qual foi disponibilizado oficialmente pela OnePlus, no seu canal do YouTube :




Nós acabámos de comprar um balde, foi este o título escolhido pela OnePlus para este vídeo.


Para divulgar o vídeo, utilizaram as redes sociais, abrilhantando o texto:



Uma marca que tem sido massacrada a cada lançamento de um novo smartphone, com a ausência de uma certificação IP, decide publicar um vídeo com uma mensagem subliminar. Escusado será dizer que a Internet em peso caiu em cima da OnePlus, criticando a postura da marca perante este tema.

Perante mais uma confusão made in OnePlus, Carl Pei, co-fundador da marca chinesa, utilizou o fórum da OnePlus, para "esclarecer" o assunto :

ICYMI, we posted a beautifully-made video on our social media earlier showing our OnePlus phone dropping into a bucket that is filled with water.
Um belo vídeo, diz o Sr. Certo...

At OnePlus, we always aim to doing the right things based on what you really need not the industry...

A OnePlus diz preocupar-se em responder aos requisitos do consumidor, mas um olhar mais atento, mostra-nos uma realidade bem diferente. A certificação IP e o carregamento sem fios continuam a ser funcionalidades que interessam aos consumidores, como se pode comprovar nos equipamentos lançados pelas diferentes marcas para o segmento premium.

Não seria mais interessante a OnePlus manter um perfil mais discreto, assumindo claramente as suas  motivações, algo que acaba por fazer, mas de uma forma atabalhoada?

Sim, é preciso cortar nos custos para manter o preço em níveis competitivos. Não há milagres, pelo que se para termos um OnePlus na casa dos 500€, temos de prescindir de uma certificação IP e do carregamento sem fios, assim seja.

Não é necessário utilizar artifícios, basta transmitir a mensagem de uma forma clara e directa .O problema está quando tal não é feito, como foi agora o caso. A OnePlus tem mais razões para se preocupar e estas sim são o motivo para toda esta cortina de fumo.

Ao arriscar o lançamento de um segundo modelo (Pro), com um ecrã "xpto", o preço vai disparar, aproximando-se perigosamente dos valores praticados pela Samsung e Huawei. Tendo em conta que o Galaxy S10  e o Huawei P30 contam com estas especificações e outro nível de argumentos, a OnePlus corre o risco de ficar logo à partida numa posição fragilizada, algo que garantidamente não deseja que venha a acontecer.

OnePlus : Não seria melhor terem feito o trabalho de casa?


0 comments:

Publicar um comentário