14/01/2021

14/01/2021

Smartphones com ecrãs dobráveis vão ser aposta para 2021

Os smartphones com ecrãs dobráveis são ainda um nicho de mercado bastante restrito (e dispendioso), mas mas em 2021 veremos chegar modelos da Xiaomi, Oppo, Vivo e Google.

Depois de anos a serem prometidos, os smartphones com ecrãs dobráveis chegaram ao mercado (após o embaraçoso atraso forçado devido ao cancelamento do lançamento do Galaxy Fold por deixar entrar sujidade com facilidade, podendo danificar o ecrã). Depois das limitações dos modelos de primeira geração, estes modelos começam a conquistar alguns fãs, dando acesso a uma área de trabalho alargada num formato que pode ser dobrado e mais facilmente transportado, mas há ainda um longo caminho a percorrer para que sejam resolvidos os dois pontos críticos que serão necessários para que possam chegar a mais pessoas: ter software capaz de tirar partido do formato de ecrã adaptativo e, principalmente, um preço mais acessível.

Este último ponto poderá começar a ser resolvido já em 2021, com indicações da chegada de smartphones com ecrãs dobráveis da Xiaomi, Oppo, Vivo, e também da Google.


Se as três marcas iniciais nos fazem ter boas esperanças para smartphones dobráveis um preço mais atractivo, o facto de também a Google poder entrar neste segmento será um bom indicador de que pretende fazer com que o Android fique melhor preparado para lidar com a questão do formato de ecrã transformável. Actualmente, há ainda muitas limitações, algumas das quais verdadeiramente caricatas, como chegar ao ponto de haver apps que apresentam menos informação quando estão a ser executadas no ecrã completo, do que quando estão em janela a ocupar metade do ecrã.

Esperemos que lá para o final de 2021, quanto estes novos dobráveis chegarem ao mercado, isso já tenha sido resolvido.

0 comments:

Publicar um comentário