22/11/2017

22/11/2017

OnePlus 5T não utiliza um sistema de heat pipe para arrefecimento


 Zach Nelson, o homem responsável por um dos mais loucos canais de tecnologia do Youtube, não se limita apenas a testar a qualidade de construção dos smartphones. Sempre que se justifica, é também feito um teardown, onde o equipamento é desmanchado, para se ficarem a conhecer todos os seus segredos.

Depois de ter levado o novo OnePlus 5T à sua bancada de testes, foi agora tempo de o desmanchar, o que acabou por revelar uma surpresa inesperada: o OnePlus 5T não utiliza um sistema dedicado para arrefecimento do processador.

Actualmente, é habitual ser utilizado um sistema de permutadores de calor para tratar de manter o smartphone a operar dentro de temperaturas que não ponham em causa o material e o conforto em utilização. No vídeo agora publicado pelo JerryRigEverything, verificou-se que a OnePlus optou por não utilizar um sistema de heat pipes ou algo similar. Nos testes preliminares que o autor efectuou, não detectou uma maior tendência para desacelerar o SoC, isto quando comparando com outros smartphones que utilizem um sistema de arrefecimento para o mesmo processador.

Pese embora o OnePlus 5T não esteja a comprometer o desempenho, resta saber até que ponto o facto de operar a mais altas temperaturas, não irá dar origem a uma degradação dos componentes a longo prazo. É sem duvida um ponto interessante, que merece ser acompanhado. Basta lembrar o que aconteceu com as memórias do Nexus 7, para terem uma ideia do que poderá a acontecer no futuro.

Para já, é futurologia, daqui por uns meses já poderemos verificar se esta foi ou não uma boa decisão por parte da OnePlus.

0 comments:

Publicar um comentário