02/10/2018

02/10/2018

Nokia mantém quinto lugar no mercado mobile Europeu


A Xiaomi conseguiu o quarto lugar no mercado mobile Europeu, no primeiro trimestre de 2018, dividindo as luzes da ribalta com a HMD, que surpreendentemente, conseguiu obter a quinta posição em solo Europeu.



Acabámos de entrar no quarto trimestre, altura em que muitas marcas esperam reforçar os seus resultados com as vendas de Natal. A HMD será por certo um dos OEM que irá procurar manter os bons resultados até agora obtidos, pois segundo a Counterpoint Research, a Nokia conseguiu manter o quinto lugar no mercado Europeu, arredando deste top 5, pesos pesados como a LG ou a Sony.

São apenas 2% de mercado, mas para uma marca que está no seu segundo ano de mercado, tendo de se bater com os grandes nomes, ao mesmo tempo que não pode baixar a guarda perante a forte investida da armada chinesa low cost. O preço continua a ser um argumento muito forte e as lojas online acabam por facilitar a vida a quem não pretende gastar muito dinheiro na aquisição de um smartphone e estas marcas não dão muita margem de manobra aos seus concorrentes.


Com 4,5 milhões de unidades a nível global, no segundo trimestre de 2018, a HMD já conseguiu bater  os cerca de 8,5 milhões de unidades registados em 2017, havendo por isso curiosidade em saber qual a marca que irá obter no final do ano.

De referir, que este quinto lugar apenas foi conseguido no mercado Europeu, não tendo a HMD obtido o mesmo nível de resultados nos outros mercados. O peso no nome Nokia, continua a ter uma elevada importância em solo Europeu, mas já não consegue ter a mesma relevância em mercados como o Asiático ou Americano.

O desafio da HMD passará naturalmente por tentar replicar este quinto lugar em outros mercado, com o Asiático a ter particular interesse, fruto dos muitos milhões de possíveis clientes para a marca.

0 comments:

Publicar um comentário