26/05/2019

26/05/2019

Publicidade pode estar prestes a chegar ao feed de notícias

A Google é uma empresa que vive à custa da publicidade, e não será de estranhar que esteja a estudar formas de a fazer chegar a ainda mais sítios, incluindo o seu feed de notícias personalizadas.


O Google Feed (antigo Google Now) que podemos aceder no ecrã à esquerda do "home screen" em grande parte dos Androids, assim como na app da Google e na página principal mobile, vai em breve passar a apresentar blocos de publicidade no meio das notícias que a Google considera relevantes para cada utilizador.

Estes novos blocos "visuais" de publicidade irão também surgir nos resultados das pesquisas de imagens e no YouTube, mas estarão (por agora) limitados aos dispositivos móveis - algo que apenas dá continuidade à tendência iniciada há muito, de que o segmento móvel é aquele que maior peso tem para a Google (aliás, basta relembrar que a Google nunca fez chegar o Google Feed aos desktops, embora o tenha feito para a página principal da Google em versão mobile).

Para aqueles que, como eu, recorrem frequentemente ao Google Feed para ficar a par dos últimos acontecimentos, passará a ser necessário ter um pouco mais de atenção para distinguir as notícias reais dos blocos patrocinados. Mas por outro lado, será necessário conceder que é este o preço a pagar pela utilização de um serviço "gratuito".

0 comments:

Publicar um comentário