16/02/2020

16/02/2020

O segredo do sensor de 108MP que equipa o Galaxy S20 Ultra


O novo Galaxy S20 Ultra estreia uma câmara de 108MP num smartphone da Samsung, e há algumas diferenças face ao sensor que foi fornecido à Xiaomi.


A Samsung pode ter permitido que a Xiaomi estreasse um dos seus sensores de 108MP (o ISOCELL Bright HMX), mas para o seu Galaxy S20 Ultra adoptou o Bright HM1 com tecnologia nonacell - e não, não é um erro, não é nanocell mas sim nonacell. Depois dos seus sensores Tetracell, este sensor nonacell tem a capacidade de combinar grupos de 9 pixeis (3x3) para melhor a recepção de luz.

O efeito prático é, em ambientes de baixa luminosidade, se ter acesso a "pixeis" de 2.4um, face aos de 1.6um permitidos pela combinação de 4 pixeis da tecnologia Tetracell.

O sensor também tem a capacidade de aplicar diferentes níveis de sensibilidade a diferentes blocos de pixeis, o que lhe permite captar imagens HDR sem necessidade de exposições adicionais; e também conta com hardware integrado para fazer zoom de até 3X em 12MP directamente no sensor. Para além disso, pode também gravar vídeo em Ultra HD 8K a 24fps, e suporta estabilização electrónica em combinação com um giroscópio.

Vai ser interessante ver que tal o Galaxy S20 Ultra se comporta face ao Mi Note 10, nesta batalha entre sensores de 108MP.

0 comments:

Publicar um comentário